Futuro da Engenharia: conheça as tendências do segmento

Engenharia é uma das profissões mais valorizadas do país. Por isso, quem investe em uma das diversas opções de graduação dentro do setor encontra um mercado de trabalho bastante aquecido, principalmente por conta da relação entre a oferta e a demanda de profissionais especializados na área.
Com a crise econômica vivenciada em todo o mundo por conta da pandemia da covid-19, muitos setores precisaram apertar os cintos e enfrentar uma grande retração do mercado. Mesmo assim, quando falamos de Engenharia, ainda é bastante seguro dizer que, para esses profissionais, o futuro tende a continuar promissor mesmo com tantas mudanças que o cenário atual trouxe para o futuro do trabalho.
Quer saber mais sobre as tendências do mercado de Engenharia e compreender como é possível aproveitar as melhores oportunidades para crescer no ramo? Então, aproveite a leitura e acompanhe todas as perspectivas de evolução para o segmento. Confira.

A ENGENHARIA (AINDA) É A PROFISSÃO DO FUTURO?

No mundo moderno, a Engenharia se mantém como um dos poucos setores que oferecem múltiplas possibilidades de atuação, apresentando alguns dos melhores salários do mercado e permanecendo em constante crescimento no país.
Como uma das profissões mais antigas do mundo, seu papel é criar e desenvolver soluções para os problemas da sociedade, desde os ambientes que tornam possíveis a vida e a segurança das pessoas até as novas tecnologias que nos cercam e evoluem constantemente. Por isso, a Engenharia é um segmento essencial para o desenvolvimento e progresso da sociedade, permanecendo no podium das profissões do futuro e despertando rapidamente para o grande impacto do desenvolvimento digital no cenário profissional.
Fazendo parte de um setor indispensável para o futuro da humanidade, os engenheiros se tornam fundamentais para desenvolver novos recursos, além de projetar e dar vida às modernas ferramentas que nos permitem criar tecnologias, estruturas, ambientes e formas de mudar o mundo e evoluir com ele.

O QUE ESPERAR DA ENGENHARIA PARA OS PRÓXIMOS ANOS ?

Demonstrando que a evolução alcança até as mais tradicionais profissões, a Engenharia e o futuro de seus profissionais caminham lado a lado com os avanços da tecnologia, trazendo novas ferramentas e metodologias para as rotinas de trabalho de cada profissional. Isso se deve, em grande parte, à transformação digital e ao crescimento do setor de inovações tecnológicas, que apresentam novidades a todo o momento e mudam os rumos do desenvolvimento digital em todo o mundo.
Vivendo em uma era que caminha cada vez mais em direção à dependência da tecnologia, vemos o surgimento de novas tendências, como:
  •  Automatização de processos;
  •  Padrões para dispositivos inteligentes;
  •  Novos modelos de negócio no cenário de Engenharia;
  •  Novas formas de produção e desenvolvimento da indústria.
Além disso, a evolução da robótica e da inteligência artificial acabam por ditar as regras e maximizar as habilidades profissionais mais buscadas por empresas, exigindo a adaptação dos engenheiros que desejam obter sucesso no setor. Com isso, os profissionais dos mais diversos tipos de Engenharia precisam estar preparados para lidar com toda a transformação tecnológica que vem alterando os paradigmas do mercado e do segmento. Tudo graças a um conceito já bastante conhecido e que se apresenta atualmente como a quarta revolução industrial, também chamado de Indústria 4.0.

 A INDÚSTRIA 4.0

Realidade em diversos países e que chegou também ao Brasil, a Indústria 4.0 trata da automatização dos processos através de dispositivos inteligentes e da adaptação do mercado para vivenciar essa nova fase. Por meio dela, a demanda por engenheiros dos mais diversos segmentos se torna cada vez maior, já que a evolução do digital é irrefreável e seus desdobramentos são cada vez mais promissores.
De modo geral, a Indústria 4.0 propõe, por exemplo, o uso da robótica para muito além das tradicionais linhas de produção automatizadas, associando sua funcionalidade à inteligência artificial e à conectividade com toda a cadeia de produção. Assim, tudo isso é transformado em uma rede inteligente capaz de administrar um alto volume de dados e solucionar os mais diversos problemas.
Dentro da área de Engenharia Civil, por exemplo, o uso de softwares de realidade virtual já permite uma visualização prévia e detalhada da construção antes mesmo que ela seja feita. Com isso, os projetos em 3D, 4D e 5D propostos através do conceito de Building Information Modeling (BIM) prometem acelerar os processos construtivos, minimizar os riscos de erros humanos e até garantir mais fidelidade ao projeto. Consegue imaginar tudo isso no futuro?

EM QUE ÁREAS POSSO ME ESPECIALIZAR ?

Segundo o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Rio de Janeiro (CREA-RJ), existem mais de 300 títulos/atividades regulamentados pelo órgão. Entendendo desse vasto campo de atuação, a capacitação e especialização dos engenheiros é um dos principais recursos para obter sucesso na profissão. Em um mercado que evolui tão rápido, saber nortear seu futuro profissional e se adaptar aos principais desafios que cada área apresenta é indispensável para crescer.
Dessa maneira, há alguns nichos da Engenharia que se tornam ainda mais promissores para profissionais dispostos a desenvolver suas habilidades e competência a fim de alcançar boas posições no mercado. Conheça alguns deles:

1. Engenharia Civil

A construção civil é um dos campos mais importantes da economia. Com isso, o desenvolvimento e retomada da indústria devem aquecer o cenário das oportunidades profissionais dentro do setor, tornando seu crescimento certo nos próximos anos.
No futuro, a ocupação otimizada e funcional dos espaços será, com certeza, um dos maiores desafios para esse profissional e, como uma área que tende a continuar em expansão, seu foco em novas, mais modernas e mais ecológicas construções deve ser um dos recursos fundamentais para a indústria.

2. Engenharia Ambiental

A Engenharia Ambiental promete ser um dos setores da Engenharia que está se formatando como uma das principais profissões do futuro.
A preocupação com impactos ambientais e a necessidade de desenvolver novas e melhores práticas sustentáveis tornam a atuação desse profissional ainda mais importante em um cenário no qual a consciência da sustentabilidade e as novas tecnologias, como a IoT (Internet of Things), por exemplo, se expandem a cada dia.

3. Engenharia da Computação

Otimizar processos e facilitar a relação do ser humano com a máquina tornam a Engenharia da Computação um ramo muito favorável para quem quer influenciar os processos de produção, transporte e distribuição de bens e serviços.
Com isso, os profissionais interessados em criar máquinas e programas, soluções em hardware e software, além de novos sistemas e tecnologias, poderão aproveitar as vantagens de um mercado em crescimento.

4. Engenharia de Automação

Também chamada de Mecatrônica, a Engenharia de Automação promete dominar a indústria por seu potencial de automatizar processos a fim de elevar a produção e a qualidade da cadeia de produção. Com os avanços da tecnologia, a necessidade de criar e desenvolver novos sistemas e maquinários, assim como aperfeiçoar os já existentes, tornam essa especialização uma excelente oportunidade para quem deseja crescer com o mercado.

5. Engenharia de Petróleo

O uso de combustíveis fósseis e a necessidade de evoluir os processos da cadeia produtiva de petróleo trazem a Engenharia de Petróleo como uma das profissões do futuro. A pesquisa e o desenvolvimento de novas tecnologias, aliados à imersão do setor na Indústria 4.0, tornam o segmento um caminho favorável para o crescimento da profissão e para a evolução de seu reconhecimento no país.

6. Engenharia Química

Apesar de sua vasta atuação nas indústrias farmacêuticas, petrolíferas e alimentícias, a Engenharia Química promete atuar como um divisor de águas no futuro, principalmente quando avaliamos a necessidade de criar soluções para reduzir os impactos ambientais.
A urgência em criar novos padrões e adotar atitudes mais ambientais, tanto em empresas como no nosso próprio dia a dia, elevam o conceito de sustentabilidade no setor e trazem novos e propícios desafios para quem se especializar na área.
Como vimos, essas são apenas algumas das principais tendências que prometem elevar os padrões do segmento de Engenharia e tornar a profissão ainda mais indispensável para um futuro promissor.
Compartilhe esse conteúdo de qualidade em suas redes sociais e mostre para outras pessoas como a Engenharia está em alta no mercado e ainda pode trazer muitas possibilidades.