Você está aqui

Notícia

< Voltar

Notícia < Voltar

Campus: 
Tijuca
Barra
Cabo Frio

Inovação traz novas oportunidades no Direito

Universidade Veiga de Almeida   |    Tijuca Barra Cabo Frio

Criptomoedas, inventário digital e Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) são algumas das novas áreas de atuação

 

Uma das graduações mais antigas do Brasil, o curso de Direito não perde a tradição de ser sempre um dos mais procurados pelos vestibulandos. Mas, se antes a carreira jurídica era ferramenta para manutenção da ordem social, hoje ela acompanha as transformações da sociedade e abre um leque de possibilidades para jovens estudantes. Criptomoedas, inventário digital e, em 2020, a entrada em vigor da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) são algumas das novas áreas da advocacia que irão aumentar a demanda por profissionais qualificados.

— O Direito é uma das três profissões mais tradicionais. Mas tem acompanhado o surgimento de novos temas e, assim, as carreiras vão se consolidando. Hoje, por exemplo, há uma função surgindo para resgatar documentos, fotos e desativar perfis em redes sociais de pessoas que morreram também — explica Leonardo Rabelo, pró-reitor de Pós-Graduação e Pesquisa e coordenador-geral do curso de Direito da Universidade Veiga de Almeida (UVA).

 

Tradição atrai jovens

Em meio a tantas novidades, há também quem goste de trabalhar com as áreas já consolidadas. A advogada Alexandra Soares, de 31 anos, escolheu o Direito pela diversidade de atuação.

— Encontrei relevância no que faço atuando na defesa das pessoas que sofrem mais com isso, que são negros, pobres e moradores da periferia — pontua Alexandra.

Aluno do 9º período de Direito na UVA, Rafael Machado também sonha usar o Direito para ajudar o próximo.

— Meu sonho é ser promotor. Tenho o Ministério Público como a menina dos olhos — explica ele.

 

Excelência do ensino é destaque

O curso de Direito da UVA se destaca por uma série de fatores. No início deste ano, foi reconhecido com o Selo de Qualidade OAB Recomenda, que atesta os cursos mais qualificados do país.

Outro diferencial é o Núcleo de Prática de Jurídica, que funciona como um pequeno escritório de advocacia dentro da instituição. Todos os alunos que cursam do 7º período em diante participam das atividades com a supervisão de professores. Além disso, a UVA tem convênios com órgãos públicos, empresas e escritórios de advocacia para que os estudantes façam estágios.

— Não tem um órgão, como Tribunal de Justiça, Defensoria Pública e Ministério Público, que não tenha alunos da Veiga — comemora Rabelo.

O corpo docente da UVA é de excelência. Formado por juízes, promotores, defensores públicos e procuradores, ele combina a prática com o conhecimento científico. É requisito básico para integrar o time ter títulos como mestrado e doutorado.

Quem tem o sonho de se tornar advogado pode se inscrever no vestibular da Universidade Veiga de Almeida, que acontece no próximo sábado (15). Mais informações em https://www.uva.br/content/vestibular-e-enem .

 

 

13/jun/2019

Tema:
Graduação,

Eventos

Ver Todos